Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/786
Tipo: Dissertação
Título: Escola e cidade: os sentidos dos espaços no Maria Constança, Campo Grande, MS (1954-2004)
Autor(es): Adimari, Maria Fernandes
Abstract: A preocupação norteadora deste trabalho foi a de buscar entender os sentidos dos espaços que marcaram os momentos históricos no Maria Constança, escola da rede pública estadual, construida em 1954, projeto de Oscar Niemeyer, que há mais de meio século vem sendo uma escola de referencia de Campo Grande, capital do Estado de Mato Grosso do Sul. A origem e evolução de Campo Grande foram analisadas no conjunto das dimensões politicas, economicas e sociais buscando-se possiveis relações entre urbanização e a expansão escolar como base no crescimento da cidade. Na abordagem, levei em conta diversas formulações teóricas no ambito dos diversos campos do saber, como forma de apreender o objeto, o espaço escolar, de forma mais ampla, indo além dos muros da escola. Isso implica numa associação da dimensão espacial à histórica, num esforço teóricometodológico de apreensão da dialética entre o geral e o particular. Para tanto, os estudos foram realizados a partir das relações estabelecidas entre a sociedade campo-grandense e o espaço escolar do Maria Constança, em que ela está inserida. Enfatizando a relevancia da escola para a cidade, segundo tres recortes analiticos principais: Escola - como lugar de educaço formal; Cidade - como espaço da modernidade do viver coletivo; e Cultura Escolar - como mediador entre as práticas citadinas e as escolares. Foi possivel verificar na dinamica do processo analisado, no recorte temporal 1954-2004, tres periodos em que os sentidos do espaço escolar se materializam de forma peculiar: o primeiro vai de 1954 ao inicio da década de 1970; o segundo vai do inicio de 1970 até 1995; e o terceiro e último começa em 1996 até nossos dias.
The aim that direct this work was to look up understand the significance of spaces that marked the historic moments in Maria Constanca, public satadual school, edificated in 1954, project of Oscar Niemeyer, that half secular comes being a school of reference of Campo Grande, capital of the Estado de Mato Grosso do Sul. The social origin and evolution of Campo Grande were analyzed in all politic dimensions, economic and social, looking for possible relations between urbanization and the escholar as bases of the growing of the city. In the talking over, considered many theoric formulations around of many ambits of the knowledge as form of to catch the object, the escholar space, with a manner quainter, goig beyond of the walks of the school. That involve in a association of a special magnitude to the historic, in a theoric-metodological effort of apprehension of the dalects between the general and the particular. Because of the studies were realized from of the established realizations between the Campo Grande society and scholar space of the Maria Constanca where it is included. Emphasizing the relevance of the eschool to the city according these principal analytic clippings: school - as space of the modernity of the collective of the linving; a scholar culture - as mediating between the urban and scholar practices. It was possible to verify in the dynamic of the analyzed process in the temporary clipping 1954 - 2005, three senses of the scholar space were materialized of a peculiar form: the first goes from 1954, to the beginning of the decade of 1970, the second goes to the beginning of 1970 to 1995, and the third begins in 1996 to ours days.
Palavras-chave: História da Educação
Antropologia Educacional
Espaço Escolar
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/786
Data do documento: 2005
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Educação (Campus de Campo Grande)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Maria Fernandes Adimari.pdf4,97 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.