Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/2942
Tipo: Tese
Título: A multiplicidade significante nos processos enunciativos e discursivos em sala de aula no Ensino Superior
Título(s) alternativo(s): The signifier’s multiplicity in enunciative and discursive processes in higher education classrooms
Autor(es): Paula, Fernando Silva
Abstract: A falta de motivação e envolvimento dos estudantes durante as aulas no Ensino Superior brasileiro, associada à utilização que esses sujeitos fazem de dispositivos móveis de internet nos espaços de sala de aula, tornou-se queixa recorrente entre professores universitários. Esta pesquisa aborda aspectos significantes e discursivos da linguagem relacionados à dinâmica de interlocução dos sujeitos (professor e alunos) durante aulas no Ensino Superior. A partir do “estranhamento” de mudanças significativas que foram observadas na forma de participação dos estudantes após determinadas enunciações, durante aulas ministradas para cursos de licenciatura, buscou-se investigar a influência do aspecto múltiplo do significante, tomado como conjunto, em processos discursivos e enunciativos produzidos durante aulas em cursos de graduação. O referencial teórico-metodológico que orientou esta investigação é o proposto pela Análise do Discurso de orientação pecheutiana (AD), em sua interface com a teoria psicanalítica lacaniana. A fundamentação teórica deste trabalho articulou conceitos e noções do campo da AD, como os conceitos de discurso e equívoco, às noções e conceitos da teoria lacaniana, tais como as noções de sujeito e significante. Para constituir o corpus de análise foram realizadas áudio-gravações de aulas de um curso de Psicologia de uma Universidade Pública do Estado de Minas Gerais, devidamente transcritas de modo literal. A partir da materialidade discursiva contraditória identificada nessas aulas foram extraídos e delimitados os recortes analisados. Com o auxílio das concepções de heterogeneidade mostrada e heterogeneidade constitutiva, o trabalho de análise identificou marcante presença de uma atividade metaenunciativa na fala de um dos professores, participante do estudo, cujo emprego visava, principal e inconscientemente, produzir o controle sobre o dizer e a homogeneidade discursiva no espaço de sala de aula. A impossibilidade de se exercer o controle sobre o dizer e sobre a produção dos sentidos por meio dessas estratégias retóricas e metaenunciativas foi denunciada, no entanto, pela irrupção do fato constitutivo do equívoco na fala do sujeito, na forma de hesitações, dispersões e lapsos de fala. A análise revelou que multiplicidade do significante, colocada em jogo em determinadas enunciações, exerceu influência relevante sobre processos discursivos e enunciativos produzidos durante as aulas examinadas neste trabalho. A dimensão múltipla do significante não pode ser reduzida à unicidade do sentido buscada por um funcionamento discursivo que privilegia aspectos “metalinguísticos” em detrimento do objeto discursivo. Essa dimensão múltipla encontrou seu lugar no equívoco da língua, abrindo novas perspectivas de interpretação e desencadeando novos processos enunciativos. A investigação indicou, dessa forma, que o equívoco não deve simplesmente ser tomado como um “erro” a ser corrigido ou excluído pelo trabalho pedagógico desenvolvido em sala de aula, mas como um fenômeno linguístico-discursivo que abre múltiplas possibilidades para a realização de interpretações singulares, e para o estabelecimento de novas conexões significantes (CAPES).
ABSTRACT - Students’ lack of motivation and involvement in classes in the Brazilian higher education system, along with the use of mobile internet devices in classrooms, has become a recurring complaint among university professors. This research addresses the signifier and discursive aspects of language related to the dynamics in dialogue between teachers and students in higher education institutions. Based on the mixed reactions caused by significant changes in the way students took part in certain enunciations (which were observed during classes), the authors sought to investigate the influence of the signifier’s multiplicity as a whole through discursive and enunciative processes produced in undergraduate classes. For such purpose, they referred to the methodology put forward by the Pecheutian Discourse Analysis (DA) theory, as well as its interface with Jacques Lacan’s Psychoanalytic theory. The theoretical basis for this study linked concepts and notions related to DA, such as the ideas of speech and misconceptions of language, to those related to Lacan’s theory, such as the notions of subject and signifier. In order to compile the analysis corpus for this research, the authors made audio recordings of Psychology classes in a public university in the state of Minas Gerais, Brazil. Thereafter, they transcribed the audio files word by word, before extracting and analyzing excerpts that contained contradictory discourses. With the aid of the concepts of manifested and constitutive heterogeneity, the writers noted a remarkable recurrence of meta-enunciation in one of the professors’ speech, whose use aimed mainly and unconsciously to control the discourse and the discursive homogeneity among students. However, they concluded that it is impossible to control such discourses and the production of meaning through rhetorical and meta-enunciative strategies – due to the misconceptions of language found in the subject’s speech, such as hesitations, dispersions and lapses of speech. Their analysis proved that the signifier’s multiplicity, when used in certain enunciations, exerted relevant influence on the discursive and enunciative processes produced in the classes examined by this research. The multiple dimension of the signifier cannot be reduced to the unicity of meaning sought by a discursive operation that emphasizes “metalinguistic” aspects at the expense of the discursive object. Such multiple dimension has found its place in the misconceptions of language, providing new perspectives of interpretation and triggering new enunciative processes. Thus, this research has shown that said misconceptions should not simply be taken as a “mistake” that needs to be corrected or rejected by the pedagogical work developed in the classroom, but rather as a linguistic-discursive phenomenon that offers many possibilities for unique interpretations and the establishment of new signifier connections (CAPES).
Palavras-chave: Análise do Discurso
Psicanálise
Educação Superior
Discourse Analysis
Psychoanalysis
Education, Higher
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/2942
Data do documento: 2016
Aparece nas coleções:CCHS - Teses e dissertações defendidas em outras instituições

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Fernando Silva Paula.pdf1,58 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.