Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/351
Tipo: Dissertação
Título: Estudo da prevalência de anomalias dentárias em uma população de 9 a 18 anos pela análise de radiografias panorâmicas
Título(s) alternativo(s): Study of prevalence of dental anomalies in a population ages between 9 and 18 through the analysis of panoramic x-rays
Autor(es): Marques, Joel
Abstract: O presente estudo teve a finalidade de avaliar a prevalência das anomalias dentárias, dentre estas, as agenesias dentárias e o taurodontismo em pacientes de 9 a 18 anos, do Município de Campo Grande - MS, por meio da análise das imagens de radiografias panorâmicas, no período de 2009 a 2010. Avaliou-se a prevalência entre os gêneros dos elementos dentários mais envolvidos nas agenesias dentárias, do taurodontismo quanto à localização em relação aos maxilares e suas respectivas hemiarcadas. Foram analisadas 1500 radiografias panorâmicas, 55,8% do gênero masculino e 44,2% do gênero feminino. Os valores das amostras foram analisados estatisticamente pelos testes t-Student e ANOVA (Análise de Variância) ao nível de significância de 5%. Os resultados encontrados foram de 20,9% com agenesia dentária e 1,8% taurodontismo, e a prevalência da agenesia dentária e do taurodontismo foi maior nos pacientes do gênero feminino com 58,35% e 59,3%, respectivamente. O dente que apresentou maior freqüência de agenesia dentária foi o terceiro molar, seguido pelo segundo pré-molar (com maior incidência principalmente nos inferiores), incisivo lateral superior e primeiro pré-molar superior, por sua vez quanto ao taurodontismo, a maior prevalência foi no segundo pré-molar inferior seguido do primeiro pré-molar inferior. A localização mais freqüente da agenesia dentária ocorreu na maxila, no primeiro quadrante e do taurodontismo na mandíbula no terceiro quadrante. Conclui-se que foi encontrada uma incidência alta de agenesias dentárias e baixa para o taurodontismo em ambos os casos não existiram diferenças estatisticamente significativas em relação ao gênero. A análise pelo teste t-Student, da amostra em relação ao tipo de dente, localização da agenesia dentária e do taurodontismo mostrou que não existe diferença estatística em nenhuma das comparações executadas.
The present study aims to evaluate the prevalence of dental anomalies, among these the dental agenesis and the taurodontism in patients between 9 and 18 years old, from Campo Grande-MS, through the analysis of panoramic x-rays, from 2009 to 2010. The aim was to evaluate the presence of the relation of dental agenesis and taurodontism among male and female patients; to estimate the prevalence of the teeth that are mostly associated to the dental agenesis and to taurodontism concerning their position; and to check the prevalence of dental agenesis and taurodontism in relation to the jaws and their corresponding hemi-arcades. 1500 panoramic x-rays were analyzed, 55.8% male and 44.2% female. The sample values were statistically analyzed using the following tests: t-Student and ANOVA (Analysis of Variance) to the significant level of 5%. The results found in patients with dental agenesis were 20.9% and with taurodontism 1.8% and the prevalence of dental agenesis was higher in female patients with 58.35%, the same happening with taurodontism 59.3%. The tooth that presented the highest frequency of dental agenesis was the third molar, followed by the second pre-molar, (with a higher frequency mainly among the lower teeth), and also upper lateral incisor and upper first pre-molar; as to taurodontism, the highest frequency was in the lower second pre-molar followed by the lower first pre-molar. The most frequent location of dental agenesis was in the upper jaw, in the first quadrant, and taurodontism appeared in the lower jaw in the third quadrant. We concluded that a high frequency of dental agenesis and a low frequency of taurodontism were found; in both cases there were no significant statistical differences in relation to gender. The analysis with the TStudent test - in the sample concerning the type of tooth, the location of the dental agenesis and the taurodontism - showed that there is no statistical difference in any of the comparisons.
Palavras-chave: Anormalidades Dentárias
Anodontia
Radiografia
Tooth Abnormalities
Radiography
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/351
Data do documento: 2010
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Saúde e Desenvolvimento na Região Centro-Oeste

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Joel Marques.pdf641,82 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.