Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1125
Tipo: Dissertação
Título: Os casos de desnutrição infantil indígena e a mídia: constituição de imagens e de sentidos
Autor(es): Miqueletti, Eliane Aparecida
Abstract: Esta dissertação apresenta a constituição de imagens e de sentidos dos casos de desnutrição, dos índios e, conseqüentemente, das aldeias indígenas e das entidades governamentais envolvidas nos casos de desnutrição infantil indígena, a partir da análise de reportagens dos jornais douradenses "O Progresso" e "Diário MS", entre os anos de 2004 e 2005. O aparato teórico é o da Semiótica greimasiana para a qual o texto é um todo de significação onde é possível verificar dois planos: o plano de conteúdo, estruturado na forma de percurso gerativo, em que convergem três níveis - fundamental, narrativo e discursivo -, e o plano de expressão, que são as formas de manifestação do conteúdo. Com o intuito de investigar mecanismos que mostrem não só o que o texto diz, mas como ele diz o que diz, as análises seguem os níveis do percurso gerativo de sentido com destaques a aspectos do plano de expressão. As análises revelaram que, ao informar a mídia acaba "enformando", na medida em que insere, na sociedade, ideologias, opiniões, sentidos estabelecidos com a ajuda de estratégias textuais mobilizadas. Essas estratégias enfatizam a situação de abandono e miséria em que se encontram as aldeias indígenas do sul do Mato Grosso do Sul e, com isso, direcionam a uma interpretação que vê a situação indígena como uma situação-problema reservando uma imagem negativa aos indígenas e as suas comunidades. Pretende-se, com essa pesquisa, despertar os leitores para uma leitura dos textos jornalísticos menos ingênua, que esteja atento a cada aspecto da mensagem, desde sua organização até sua disposição na página.
This thesis presents the formation of images and the senses of the malnutrition cases in the indigenous people, in the indigenous villages and consequently in the government entities involved in the cases of indigenous infantile malnutrition. This analysis of the facts comes from the articles of the douradenses local newspapers, "O Progresso" and "Diário MS", among 2004 and 2005. The theoretical apparatus is the Greima semiotics for which the text is a meaning where it is possible to verify two levels: the level of content, structured as a generative path which converges into three levels - essential, narrative and discursive -, and the plan of expression, which is the forms of expression of the content. In order to investigate mechanisms that show not only what the text says, but how it does say what it does say, the analyses follows the sense of generative path levels highlighting the aspects of the plan of expression. Analyses revealed that, informing the media "bowing it" only, insofar when inserted into the society, ideologies, opinions, senses established with the help of textual strategies mobilized. These strategies emphasize the situation of abandonment and misery that the indigenous villages in the south of Mato Grosso do Sul are and thereby directed to an interpretation that shows the situation as a state-indigenous problem reserving a negative image to indigenous and their communities. It is intended with this search, awakening the readers to a less naïve journalistic texts reading, which is attentive to every aspect of the message, since its organization until its layout page.
Palavras-chave: Semiologia da Imagem
Jornalismo Informativo
Reportagem
Desnutrição Infantil
Semiótica
Análise do Discurso
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1125
Data do documento: 2007
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Letras (Campus de Três Lagoas)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Eliane Aparecida Miqueletti.pdf1,2 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.