Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1105
Tipo: Dissertação
Título: A linguagem em Paranhos: aspectos sociolinguísticos
Autor(es): Oliveira, Beatrice Graciella Azevedo Motta de
Abstract: Este estudo apresenta uma caracterização da fala, de 16 informantes estratificados em sexo (mulher, homem), faixa etária (até 35 anos e mais de 50 anos) e escolaridade (escolarizados e com instrução rudimentar), moradores de Paranhos, MS. Nessa pesquisa evindenciaram-se dois aspectos da linguagem, o fonético-fonológico e o semântico-lexical. Parte-se da hipótese de que, tanto os fatores linguísticos quanto os extralinguísticos influenciam ou condicionam as ocorrências linguísticas. Os dados foram obtidos a partir de questionários que direcionaram as entrevistas in locu, que foram, posteriormente, transcritas foneticamente e codificadas para serem rodadas no programa Goldvarb 2001. Para a interpretação dos dados, utilizou-se a metodologia da teoria da Variação e Mudança Linguística (LABOV, 1962). Em seguida, os dados foram descritos e interpretados quantitativamente, apresentando a correlação existente entre as variantes dos grupos investigados. Foram descritos lexicalmente alguns vocábulos próprios da fala da comunidade de Paranhos. Os resultados obtidos nessa investigação variacionista revelaram que, quanto ao aspecto fonético fonológico, os fatores linguísticos foram mais relevantes para a variação linguística que os extralinguísticos. No aspecto semântico lexical, a variável escolaridade teve destaque, torna-se representativa para a identificação do aspecto variacional no município de Paranhos.
This study presents a characterization of speech, from 16 informants stratified by gender (female, male), age (up to 35 years and more than 50 years) and education (school and elementary education), residents of Paranhos, MS. In this research are two aspects of language, the phonetic phonological and lexical semantic. It is the hypothesis that both the linguistic factors as the extralinguistic influence or determine the condition linguistics. Data were collected from questionnaires that directed the interviews in locu, which were then, phonetically transcribed and coded to be bedded in the program Goldvarb 2001. To these interpretations, we used the methodology of the theory of linguistics and Variation Change (Labov, 1962). Then the data were analyzed quantitatively, showing the correlation between the variations of the groups investigated. Were described some lexical's own words speak for the community Paranhos. The results showed that variations in research on the phonetic phonological aspect, linguistic factors were more relevant to the influence of conditioning or linguistic variation of the factors that extralinguistic. Meanwhile, the lexical semantic point, the variable age was highlighted for such influence.
Palavras-chave: Linguística
Sociolinguística
Lexicologia
Linguagem
Paranhos - MS
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1105
Data do documento: 2009
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Letras (Campus de Três Lagoas)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Beatrice Graciella Azevedo Motta de Oliveira.pdf2,34 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.