Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1041
Tipo: Dissertação
Título: World Trade Center no discurso da mídia: a (des)construção identitária islâmica e norte-americana em Veja e Caros Amigos
Autor(es): Becari, Rosemeire de Jesus Ferrarezi
Abstract: O acontecimento discursivo do World Trade Center narrado pela mídia jornalística escrita é o ponto inicial das investigações desta dissertação. Interessam-nos, para esta pesquisa, as produções sociais de sentidos dos discursos midiáticos, associadas às representações sociais ou aos modelos identitários revelados nos gêneros reportagem e cartas do leitor. Dessa maneira, a proposta deste estudo é identificar formações discursivas e ideológicas, relações de poder e efeitos de sentido construídos pela mídia sobre o acontecimento discursivo do World Trade Center, ocorrido no dia 11 de setembro em 2001, nos Estados Unidos da América (EUA). Para tanto, analisam-se marcas enunciativas presentes nos discursos/gêneros textuais cartas do leitor e reportagens principais das revistas Veja e Caros Amigos. Trata-se de uma pesquisa de cunho multidisciplinar, ancorada no método arqueogenealógico foucaultiano. Estudamos também as representações sociais contidas nesses discursos a partir dos conceitos de discurso, dialogismo/heterogeneidade, sujeito, jogo de imagens/representação social, ideologia e relações de poder, investigando as práticas discursivas ligadas à constituição identitária do povo islâmico e do norte-americano. Nossa hipótese é que as duas revistas silenciam posicionamentos e ideologias de seus leitores. Recorremos aos pressupostos teóricos da Análise do Discurso (AD), em especial a construtos de Pêcheux (1988, 1990), Foucault (1972, 1979, 2005), Orlandi (2005), Gregolin (2007), Brandão (2004), Authier Revuz (1990) e Coracini (2007), e a contribuições de alguns estudiosos da linguagem, como Bakhtin (1999), Citelli (2006), Martins (1997, 2006, 2008), entre outros, e da mídia, como Charaudeau (2009) e Scalzo (2007). Buscamos ainda, nos arcabouços teóricos dos Estudos Culturais, princípios defendidos por Bhabha (1998) e Hall (2000; 2005), entre outros. No que tange à coleta de dados e ao córpus, selecionamos, inicialmente, reportagens impressas acerca do atentado do World Trade Center, veiculadas pelas revistas em questão no período de setembro a outubro de 2001. Selecionadas as reportagens, procedemos a recortes de enunciados, de que resultou um total de 12 excertos analisados. Além disso, foram analisadas as cartas do leitor de ambas as revistas. Dividimos a dissertação em três capítulos. No primeiro, delimitamos e explicitamos alguns conceitos teóricos desenvolvidos durante toda a pesquisa. No segundo, trazemos as condições de produção, focalizando os gêneros discursivos e midiáticos e um breve histórico da origem e transformação de Veja e Caros Amigos, bem como do islamismo, da política norte-americana e do Império Bush, além dos conflitos entre os povos muçulmanos. No terceiro capítulo, realizamos as análises, escavando os arquivos em busca do que está silenciado na memória discursiva e observando como os diferentes sentidos são instaurados pela mídia. Constatamos que é pelo viés discursivo que a mídia instaura sua ideologia e que o leitor vai interpretar e apreender os sentidos e posicionamentos sócio-histórico-ideológicos abarcados pelos diversos suportes.
The discursive event of the World Trade Center told the news media writing is the starting point of investigations of this dissertation. Interest us, for this research, the production of social meanings that the media discourses produce, associated with representations (the identity models revealed in the genres report and reader letters). This way, the purpose of this study is to identify ideological and discursive formations, power relations and effects of meaning constructed by the media on the discursive event of the World Trade Center, occurred on September 11th, 2001, in the United States of America (USA). To this end, we analyze enunciative marks present in the discourses / textual genres reader letters and main reports of the magazines Veja e Caros Amigos. It is a survey of nature multidisciplinary anchored Foucault archeogenealogical method. We also study the social representations contained in these discourses, the concepts of discourse, dialogism, heterogeneity, subject, games of images, social representation, ideology and power relations; investigating the discursive practices related to the constitution of identity of the islamic people and the north-american. Our hypothesis is that the two magazines Veja and Caros Amigos silent positions and ideologies of its readers. We use the theoretical principles of Discourse Analysis (DA), the authors Pêcheux (1988, 1990), Foucault (1972, 1979, 2005), Orlandi (2005), Gregolin (2007), Brandão (2004), Authier Revuz (1990) and Coracini (2007), and some scholars of language as Bakhtin (1999), Citelli (2006), Martins (1997, 2006, 2008), among others and media, as Charaudeau (2009) and Scalzo (2007). We seek to further in theoretical frameworks of Cultural Studies, scholars Bhabha (1998), Hall (2000, 2005), among others. With respect to the data collection and corpus, we selected print articles about attack of the World Trade Center, circulated by the magazines in question in period September-October 2001, a total of 12 excerpts of the articles analyzed. In addition, we analyzed the reader letters of both magazines. We divided the dissertation into three chapters. In the first, delimited and elucidated some theoretical concepts developed throughout the research. In the second, we bring the conditions of production: genres and media: a brief history of the origin and transformation of Veja and Caros Amigos, Islam, the U.S.A policy and the Bush Empire, conflicts between Muslim peoples. In the third chapter, we conducted the analysis, excavating archives in search of what is silenced in discourse memory and seeing how the different senses are established by the media. We found that is by discursive bias that the media establishes its ideology and the reader will interpret and understand the senses and socio-historical and ideological positioning covered by the various media.
Palavras-chave: Discurso
Meios de Comunicação
Ideologia
Islamismo
Norte-Americanos
Ataques de 11 de Setembro
Terrorismo Internacional
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1041
Data do documento: 2011
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Letras (Campus de Três Lagoas)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Rosemeire de Jesus Ferrarezi Becari.pdf11,99 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.