Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/874
Tipo: Dissertação
Título: Complexo sucroalcooleiro no Brasil : uma abordagem histórico-institucional acerca de sua estrutura integrada
Autor(es): Martins, Ezequiel Resende
Abstract: Esta dissertação visa contribuir com as discussões acerca do predomínio da produção integrada existente na agroindústria canavieira brasileira, recorrendo para tanto a uma breve apresentação do caso australiano. A perspectiva comparativa torna-se relevante, uma vez que realça a fragilidade de algumas explicações para a forma de coordenação hierárquica nesta agroindústria no Brasil, especialmente àquelas que buscam explicar a forma de coordenação exclusivamente através das especificidades que caracterizam os ativos utilizados e da freqüência de suas transações, não articulando essas características ao ambiente institucional que compreende e interage com as firmas. Deste modo, o presente trabalho sugere que os aspectos que explicam as formas diferenciadas de coordenação deveriam ser buscadas a partir da relação entre o ambiente institucional e as estratégias de decisão dos agentes a partir das opções oferecidas. Para tanto, a referência teórica que serviu de embasamento foi pautada sobre as reflexões do chamado neo-institucionalismo, mais precisamente da vertente histórica. Resumidamente, este aporte teórico busca inserir o processo econômico no marco de uma construção social, manipulada pelas forças históricas e culturais, sendo esta uma de suas características fundamentais. Assim, as restrições que moldam as escolhas são, portanto, históricas e não decorrem da natureza dos indivíduos ou dos bens com que se relacionam e sim de um processo que reflete poder, estruturas, convicções, normas e controles sociais. Para o caso brasileiro, comparado ao australiano, as instituições atuaram de formas diversas na agroindústria canavieira, mas não houve efetivamente uma atuação marcante e definitiva na busca de mecanismos institucionais para evitar a grande concentração de terras associadas à atividade, ao contrário do que ocorreu na experiência australiana.
This thesis aims to contribute to the discussions about the prevalence of integrated production exists in Brazilian cane agro-industry, drawing on both a short presentation of the Australian case. The comparison becomes relevant because it highlights the fragility of some explanations for the hierarchical form of coordination in agribusiness in Brazil, especially those that seek to explain coordination exclusively through the particular features of the assets used and the frequency of their transactions, not linking these characteristics to the institutional environment that understands and interacts with the firms. Thus, this study suggests that the aspects that explain the different forms of coordination should be sought from the relationship between the institutional environment and strategies for decision the agents from the options offered. Therefore, the theoretical references that formed the foundation has been guided reflections on the so-called neo-institutionalism, in particular of the historic environment. Briefly, this theoretical contribution search enter the economic process in the framework of a social construction, manipulated by historical forces and cultural, which is one of its key features. Thus, the constraints that shape the choices are, therefore, historical, and not derived from nature of individuals or property to which they relate, but a process that reflects power structures, beliefs, norms and social controls. For the Brazilian case, compared to Australian institutions acted in various forms in the sugarcane agro-industry, but there was indeed a remarkable and definitive action in the search for institutional mechanisms to prevent heavy concentration of land associated with activity, unlike what happened in Australian experience.
Palavras-chave: Indústria Sucro-Alcooleira - Brasil
Estudo de Caso - Austrália
Indústria Sucro-Alcooleira - aspectos econômicos
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/874
Data do documento: 2009
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Agronegócios

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Ezequiel Resende Martins.pdf653,62 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.