Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/615
Tipo: Dissertação
Título: Biologia reprodutiva e alimentação dos peixes Pseudoplatystoma corruscans (SPIX & AGASSIZ, 1829) e Pseudoplatystoma reticulatum (EIGENMANN & EIGENMANN, 1889) (Siluriformes, Pimelodidae) sob a influência do pulso de inundação do Rio Negro, Pantanal da Nhecolândia, Mato Grosso do Sul, Brasil
Autor(es): Galletti, Vitor Simão
Abstract: Pesquisas efetuadas ao longo dos últimos 20 anos, por pesquisadores de diferentes áreas, vêm mostrando que o pulso de inundação é o processo ecológico chave a ser mantido para a manutenção e conservação de peixes em rios com grandes planícies de inundação. A expansão ou contração do ambiente aquático refletem em mudanças na alimentação reprodução e tamanho das populações de peixes de planícies inundáveis, que oferecem grande quantidade de hábitats durante suas alterações estacionais. Este trabalho investigou a dieta e reprodução de duas espécies de peixes Siluriformes migradores do rio Negro, Pantanal da Nhecolândia, sob a influência do pulso de inundação. As amostras foram realizadas com o uso de redes de espera e tarrafas com diversas malhagens. De cada exemplar capturado foram obtidas as seguintes informações: comprimento total, comprimento padrão, peso total e sexo, estádio de maturação e peso gonadal, grau de repleção e peso estomacal. Os parâmetros físico-químicos ambientais foram obtidos a cada coleta. Foram capturados 225 exemplares da espécie Pseudoplatystoma corruscans e 85 da espécie Pseudoplatystoma reticulatum. Destes, foram obtidos 58 estômagos com algum conteúdo. Ambas as espécies intensificaram a tomada de alimento após o período de inundação e apresentaram consumo diferenciado de recursos alimentares, com sobreposições alimentares quase inexistentes. As estimativas de L50 e L100 foram maiores para a espécie P. corruscans do que para P. reticulatum, bem como o tamanho do maior espécime coletado. O período reprodutivo de ambas as espécies ocorreu entre outubro a abril, coincidindo com o período de inundação mais intensa.
Research from several fields conducted over the last 20 years show that inundation pulse is an important ecological process for maintenance and conservation of fish in rivers with large flood plains. Expansion and contraction of the aquatic environment leads to change in food, reproduction and size of fish populations from floodplains, offering many habitats for seasonal changes. This study investigated the diet and reproduction of two migratory fish Siluriformes from Negro river, Pantanal of Nhecolândia, under flood pulse influence. Gill nets of several measures were used to capture animals. From each individual was obtained the total length, standard length, wet weight, sex determination, gonadal maturation, gonad weight, stomach repletion and weight stomach. Environmental parameters were taken on each sampling. We captured 225 individuals of Pseudoplatystoma corruscans and 85 of Pseudoplatystoma reticulatum. Among these, 50 stomachs with some food contained were obtained. Both species increased food intake after flood, and showed differentiated consumption of food items with no overlap on dietary. The L50 and L100 estimate has been larger for P. corruscans as well as the largest specimen collected. The reproductive period was estimated between October and April, together with high level flood. Keywords: Neotropical fishes, reproductive period, resource sharing.
Palavras-chave: Inundações
Peixes Tropicais
Comportamento Reprodutivo Animal
Comportamento Ingestivo Animal
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/615
Data do documento: 2010
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Ecologia e Conservação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Vitor Simao Galletti.pdf1,95 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.