Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/611
Tipo: Dissertação
Título: Diversidade de espécies arbóreas em capões, Pantanal sul: relações com a área e o isolamento das manchas florestais
Autor(es): Frison, Sergianne
Abstract: Os capões são manchas de vegetação arbórea imersas numa matriz campestre. Assim, com base na teoria de biogeografia de ilhas, seria esperado que o número de espécies presentes nos capões estivesse relacionado à sua área (relação espécie-área) e distância da área fonte de espécies (isolamento). Outro fator que poderia explicar a riqueza de espécies em manchas florestais é o efeito de borda, que em pequenos fragmentos pode causar mudanças no microclima e na luminosidade, afetando o potencial de germinação e sobrevivência e, conseqüentemente o estabelecimento das plantas. Os objetivos deste estudo foram conhecer a composição florística e a estrutura da comunidade de espécies arbóreas, relacionando-as ao tamanho, ao índice de borda e ao grau de isolamento, em capões da Fazenda São Bento, sub-regiões do Miranda e Abobral, Pantanal Sul. O perímetro e a área de 31 capões foram tomados a partir da imagem de satélite CBERS-2 CCD e calculados com o auxílio do programa Erdas. A partir destes dados foram definidos o índice de borda e o grau de isolamento dos capões. Para o levantamento florístico e obtenção dos parâmetros fitossociológicos foi inventariada uma parcela de 10X20m em cada capão. Foram amostrados 700 indivíduos distribuídos em 31 famílias, 46 gêneros e 54 espécies. De acordo com os dados deste, e de outros dois estudos realizados em capões na mesma região, as famílias mais representativas são Fabaceae, Myrtaceae, Sapindaceae. Não houve efeito do tamanho e nem do grau de isolamento sobre a diversidade de espécies arbóreas nos capões amostrados. Uma hipótese sugerida é que a variação de tamanhos e a distância da área fonte (cinco capões mais próximos) dos capões da fazenda São Bento sejam muito pequenas para demonstrar tal relação. Além disso, a presença de gado, bastante expressiva na região, pode estar afetando a composição de espécies diretamente, através do pisoteio e da pastagem seletiva, bem como indiretamente, devido às práticas associadas à pecuária extensiva tais como queimadas e retirada seletiva de árvores. Os capões da Fazenda São Bento apresentaram formatos variados (IB) e foram, em sua maioria, não circulares. Ainda que tamanho, forma e grau de isolamento dos capões não tenham afetado a composição de espécies arbóreas, os efeitos desses fatores podem manifestar-se em escalas de tempo maiores, sendo necessários novos estudos, de mais longo prazo, que avaliem estes efeitos.
Capões are natural fragments of woody vegetation immersed on an herbaceous matrix. According with the theory of island biogeography, it could be expected that the number of species present in the capões would be related to its size (species-area relation) and to the distance of species source area (isolation effect). Another factor that could explain species richness in forest fragments is edge effect, which could cause changes on microclimate and luminosity in small fragments, affecting the germination potential, the survivor and, in consequence, plant establishment. The objectives of this study were to record floristic composition and community structure of arboreous species in relation to size, as well as to edge and isolation effects in the capões of Fazenda Sao Bento, sub region of Miranda and Abobral, southern Pantanal. Thirty one capões with variable shapes and sizes were sampled. The perimeter and area of capões were estimated using CBERS-2 CCD satellite image and calculated with Erdas program. Using these data, edge effect and isolation degree of capões were defined. Floristic survey and measures of phytossociological parameters were carried out in plots of 10X 20m in each capao. Seven hundred individuals, from 31 families, 46 genera and 54 species were sampled. According with these data and data from two other studies carried out in capões at the same region, Fabaceae, Myrtaceae, Sapindaceae were the most representative families. There were no size nor isolation effects affecting the richness, diversity and composition of arboreous species (r2 = 0,17; F = 1,56; p = 0,218) in the sampled capões. One suggested hypothesis is that variations on size and source area distance (five closest capões) of the capões from Fazenda São Bento were very small to demonstrate this relation. In addition, cattle presence is highly expressive in the region, and could be affecting species composition directly through cattle trampling and selective pasture, and indirectly because of the associated practices of extensive cattle ranching, like fire and selective wood cut. The capões from Fazenda Sao Bento presented variable shapes (IB) and most of them were not circular. Although size, shape and isolation degree of the capões did not affected arboreous species composition, the effect of these factors could be detected in wider time scales, being necessary new studies that evaluate these effects in long term surveys.
Palavras-chave: Comunidades Vegetais
Ecologia Vegetal
Satélites Artificiais
Imageamento de Satélite
Sensoriamento Remoto
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/611
Data do documento: 2007
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Ecologia e Conservação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Sergianne Frison.pdf482,44 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.