Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/596
Tipo: Dissertação
Título: Influência do histórico do fogo sobre a ornitofauna do Parque Nacional das Emas (GO/MS)
Autor(es): Sousa, Nathália Machado e
Abstract: O fogo promove mudanças na vegetação e na fauna associada e sua função ecológica pode ser extremamente complexa. É o principal processo formador de mosaicos em muitos hábitats e no Cerrado, sua ocorrência data desde períodos anteriores à presença humana. No entanto, seus efeitos ecológicos ainda são pouco conhecidos principalmente em relação à fauna, uma vez que a maior parte dos estudos tem foco sobre a vegetação. O objetivo desse estudo foi de avaliar se o histórico do fogo tem influência sobre a avifauna e sobre a vegetação, e avaliar a relação entre a arquitetura da vegetação e a avifauna. O estudo foi realizado no Parque Nacional das Emas, localizado no sudoeste do Estado de Goiás e nordeste de Mato Grosso do Sul. Foram estudados 54 pontos distribuídos em áreas de fitofisionomias abertas: campo sujo e campo cerrado, considerando o histórico de queimadas dos mesmos. Nesses pontos, foi realizada a amostragem da avifauna e da arquitetura da vegetação, durante o mês de janeiro e setembro de 2008. As amostras da comunidade de aves e da vegetação foram ordenadas através da análise de escalonamento multidimensional híbrido (HMDS). A avaliação do histórico de queimadas sobre a comunidade de aves foi realizada com a utilização de uma análise multivariada de variâncias (MANOVA) e sobre a vegetação, com regressão múltipla. Foram registradas no total 14 espécies de aves e quatro destas são citadas nas listas oficiais de fauna ameaçada de extinção: Nothura minor, Culicivora caudacuta, Alectrurus tricolor e Coryphaspiza melanotis, sendo que esta última não foi registrada nas áreas queimadas há cinco ou seis anos. A abundância total foi maior nas áreas queimadas há um e dois anos e esteve relacionada com o período de tempo decorrido após a queima, mas não com a freqüência do distúrbio. A avifauna e a arquitetura da vegetação variaram entre as áreas de acordo como o tempo decorrido após a última queima e de acordo com a freqüência de queimadas. A riqueza de espécies de aves registrada variou conforme a idade da queimada sendo maior nas áreas queimadas de um a dois anos. Com a passagem do tempo as modificações da vegetação tornam-se menos evidentes, uma vez que o impacto do fogo é de curta duração. A quantidade de contatos com gramíneas aumenta de acordo com o decorrer do tempo após a queima e de acordo com a freqüência de queimada. A composição avifauna não esteve relacionada com a arquitetura da vegetação, porém a riqueza de espécies de aves esteve, sendo que esta diminui de acordo com a recuperação da vegetação. O fogo pode estar agindo como regulador da vegetação das áreas abertas do Parna Emas e a alteração do regime de queima altera características da vegetação e conseqüentemente da avifauna associada a estas áreas. A exclusão do fogo não é a melhor solução para a conservação biológica da avifauna do Cerrado e as características do regime de queima modelam a comunidade podendo excluir espécies mais sensíveis ou favorecer espécies mais tolerantes.
Fire promotes changes in vegetation and in associated fauna, and its ecological function can be extremely complex. It is the main factor creating mosaics in many habitats and in the Cerrado its occurrence dates since previous periods of human establish. However, its ecological effect is poorly known mainly about to fauna, since most of the studies have focus on the vegetation. The objective of this study was to evaluate if the fire regime has influenced on bird community and the vegetation architecture and to evaluate the relation between the vegetation architecture and bird community. The study was carried out in the Emas National Park, located in the southwest of the Goiás state and of northeast of Mato Grosso do Sul state. I surveyed 54 points distributed in open areas: campo sujo e campo cerrado according to fire regime. In these points, I surveyed the birds and the architecture of the vegetation during the month of January and September of 2008. The bird community sampled and vegetation were arranged through the analysis of Hybrid Multidimensional Scaling (HMDS). The relation between the fire regime and the bird community was analyzed with Analysis of multi-varied analysis variances (MANOVA). The relation between the fire regime and the vegetation was analyzed with multiple regression. I registered 14 species of birds and four of these are cited in the official lists of threatened species: Nothura minor, Culicivora caudacuta, Alectrurus tricolor and Coryphaspiza melanotis. The last one was not registered in the areas with five or six years since fire occurrence. The total abundance was higher in the areas with one and two years since fire occurrence and was related with the burn age, but not with the frequency of disturb. Bird community and the architecture of the vegetation alter between the areas with different burn age and with different frequency of fire. The bird species richness varied according to the burn age and was higher in the areas burned between 1 and 2 years since last fire occurrence. Along the time, the changes in the vegetation were less evident, since the fire impact is short. The number of grass contacts increases according to burn age and in according with the increase of frequency of fire. The bird composition was not related with the architecture of the vegetation but the bird species richness was related decreasing with recovery of the vegetation. The fire can be acting on the vegetation of the open areas of the Emas National Park, and the alteration of the fire regime modifies characteristics of the vegetation, consequently, the birds associated. The fire exclusion is not the better solution for the bird community conservation of the Cerrado. The characteristic of the fire regime designs the community and can exclude sensible species or can favor species more tolerant.
Palavras-chave: Aves
Ecologia de Fogo
Ecologia de Cerrado
Ecossistemas Terrestres
Conservação Biológica
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/596
Data do documento: 2009
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Ecologia e Conservação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Nathalia Machado e Sousa.pdf2,96 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.