Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/591
Tipo: Dissertação
Título: Estrutura da comunidade de morcegos (Mammalia: Chiroptera) do Parque Estadual da Ilha do Cardoso, São Paulo, SP
Autor(es): Alves, Lucas de Almeida
Abstract: O objetivo deste trabalho é descrever e avaliar as comunidades de morcegos em tres ambientes da Mata Atlantica, observando se os padrões encontrados são determinados pelo tipo de ambiente e pela estação do ano no Parque Estadual da Ilha do Cardoso. Foram registradas 23 espécies de morcegos em 54 noites de capturas, por meio de redes de neblina. As espécies mais abundantes foram Artibeus obscurus, Carollia perspicillata, Sturnira lilium e Artibeus lituratus. A estimativa de riqueza (Chao 2) indicou a presença de 24 ± 4,2 espécies de morcegos na ilha. O valor do índice de diversidade de Shannon (H' = 2,44) obtido para a comunidade amostrada foi semelhante à encontrada para diversas comunidades tropicais e subtropicais. A estrutura das comunidades de morcegos variou entre os ambientes. A floresta de planicie apresentou indices de diversidade e riqueza maiores que a floresta de encosta e a restinga. A composição das comunidades de morcegos variou em função da estação (chuvosa ou seca), ao passo que o efeito do tipo de ambiente foi marginalmente significativo. Os resultados indicam que a maior parte das espécies de morcegos pode utilizar diferentes tipos de ambientes da Ilha do Cardoso, porém apresenta variação sazonal de abundancia possivelmente em função da variação temporal da oferta de recursos.
The objectives of this work are to describe the bat communities in three habitats of the Atlantic Forest and to evaluate whether the patterns found for these communities are determined by the habitat type and season in the Parque Estadual da Ilha do Cardoso. In 54 nights of bat captures using mist-nets 23 species were found. Artibeus obuscurus, Carollia perspicillata, Sturnira lilium and Artibeus lituratus were the most abundant species. Chao 2 richness index indicated the presence of 24 ± 4,2 species in the island. The Shannon-Weiner diversity index obtained for the whole community (H'=2,44) was a similar value found in many other tropical and subtropical bat communities. The structure of the bat communities differed among environments. The "planicie" forest presented higher richness and diversity indexes compared to the "encosta" forest and the "restinga". The composition of the bat communities differed between seasons (wet and dry) and the type of environment was marginally significant in explaining this pattern. The results obtained indicate that major bat species may explore different types of environments at the Ilha do Cardoso, therefore they also present seasonal variations in abundance following the temporal variation of resource availability.
Palavras-chave: Morcegos
Ecologia Animal
Monitoramento Ambiental
Populações Animais
Ecologia de Interações
Quirópteros - Mata Atlântica
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/591
Data do documento: 2008
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Ecologia e Conservação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Lucas de Almeida Alves.pdf364,83 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.