Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/3273
Tipo: Dissertação
Título: Radiografia cefalométrica para avaliação da hipertrofia da adenoide
Autor(es): Moura, Tamara Maria de Souza
Abstract: A hipertrofia da adenoide pode causar a obstrução da nasofaringe e assim causar futuras problemas ao paciente, como ser um respirador bucal. Existem vários métodos para diagnosticar essas alterações: como a nasofibroscopia, radiografia de Cavum e a radiografia Cefalométrica que é muito utilizada na odontologia. O objetivo deste trabalho foi um levantamento da quantidade de alterações da adenoide e do espaço nasofaringe através da avaliação de radiografias cefalométricas. Foram avaliados 270 radiografias cefalométricas de crianças de (6 a 12 anos e 11 meses), foram analisados as distâncias AD1-Enp, AD2-Enp e R-PTV e correlacionados com a idade e sexo e de forma geral o percentual de área ocupada pela adenoide e o grau de obstrução nasofaringe. Os resultados dos valores das variáveis e a correlação com sexo e a idade não mostrou diferença significativa, o mesmo acontece com as alterações da adenoide, existindo uma predominância de grau 0 de obstrução nasofaringe. Concluímos que não houveram diferenças entre o sexo e a idade e alterações nas estruturas analisadas.
ABSTRACT - Adenoid hypertrophy can cause obstruction of the nasopharynx and thus cause future problems for the patient, such as mouth breathing. There are several methods to diagnose these changes: such as nasofibroscopy, Cavum radiography and Cephalometric radiography which is widely used in dentistry. The aim of this study was to investigate the amount of adenoid and nasopharyngeal space changes through the evaluation of cephalometric radiographs. A total of 270 cephalometric radiographs of children aged 6 to 12 years and 11 months were evaluated. The distances AD1-Enp, AD2-Enp and R-PTV were correlated with age and sex and, in general, the percentage of area occupied by Adenoid and the degree of nasopharyngeal obstruction. The results of the variables values and the correlation with sex and age did not show any significant difference, as does the adenoid alterations, with a predominance of degree 0 of nasopharyngeal obstruction. We conclude that there were no differences between sex and age and alterations in the analyzed structures
Palavras-chave: Obstrução Nasal
Respiração Bucal
Tonsila Faríngea
Nasal Obstruction
Mouth Breathing
Adenoids
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/3273
Data do documento: 2017
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Odontologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Radiografia cefalométrica para avaliação da hipertrofia da adenoide.pdf3,01 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.