Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/286
Tipo: Dissertação
Título: Levantamento dos hábitos de vida e fatores de risco de câncer dos tabagistas do município de Sidrolandia - MS
Autor(es): Feitosa, Renata Cristina Losano
Abstract: De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o tabagismo é a principal causa de morte evitável em todo o mundo, constituindo-se num sério problema de saúde pública, por ser responsável pelo desenvolvimento de diversos tipos de cancer e muitas doenças. Este trabalho teve como objetivo realizar um levantamento dos hábitos de vida e fatores de risco de cancer dos tabagistas de Sidrolandia/MS. Participaram do estudo, tres equipes do Programa de Saúde da Familia da zona urbana do municipio. Foram sujeitos desta análise, 501 tabagistas, que foram identificados pelos agentes comunitários de saúde de sua microárea e responderam a um formulário baseado nos inquéritos utilizados pelo Instituto Nacional de Cancer e Coordenação de Prevenção e Vigilancia. Os resultados coletados demonstram que: 42% são adultos compreendendo a faixa etária de 26 a 45 anos, 55,7% são mulheres, 12,4% são analfabetos, 66,6% não possui o ensino fundamental completo e 95,8% não estudam atualmente. A maioria (67,3%) reside com companheiro, 55,7% são do lar, e 99% compreendem uma renda familiar per capita de até 2 salários minimos; 41,0% começaram a fumar na adolescencia e 58,4% fazem uso de cigarro industrializado; 49,6% consomem uma média de 10 cigarros por dia, inclusive, dentro de casa, mesmo sabendo que isso faz mal à saúde, expondo a familia ao tabagismo passivo. Quanto aos problemas de saúde, 50,5% apresentam algum problema, sendo 30,5% problemas respiratório/alérgicos; 17,4% pressão alta e 10,8% depressão. Os principais fatores de risco de cancer encontrados neste estudo foram: sedentarismo (77,7%), hábito frequente de ingerir bebidas alcoólicas (48,7) e excesso de peso (37,1%) e 37,9% dos participantes, além de fumar estão expostos a um destes fatores de risco; 43,3% expostos a dois destes fatores de risco e 13% expostos a tres destes fatores de risco. Desta forma, torna-se fundamental que o Programa do Tabagismo e outros fatores de risco de cancer do municipio, através da Secretaria Municipal de Saúde, invistam em ações de promoção da saúde e prevenção de doenças no municipio, a fim de alertar à comunidade sobre os fatores de risco de cancer. Os que já são tabagistas devem ser orientados a participar do programa de tratamento do fumante, e as crianças e adolescentes devem ser envolvidos em ações educativas nas escolas e unidades de saúde, a fim de que conheçam os maleficios do tabagismo.
According to the Mundial Health Organization (OMS), the tabaccoism is the main cause of preventive death in all the world, being a serious public health problem, because of it is responsible by the development of many kinds of cancer and other illnesses. This work had as objective to realize a sum up of the life habits and risk factors of tobacconists in Sidrolandia/MS. Three groups of the Family Health Program in the urban zone of the town participated of the study. It was analyzed, 501 smokers that was identified by the communitarian health agents in their micro area and answered to a formulary base don the inquiries used by the National Institute of Cancer and the Coordination of Prevention and Vigilance. The results collected showed that: 42,9% are adults between 26 and 45 years old, 55,7% are women, 12,4% are analphabets, 66,6% don't studied the complete fundamental school and 95,8% are not studying actually. The majority (67,3%) lives with a partner, 55,7% are housewives, and 99% earns a familiar per capit salary of until 2 minimum salaries; 41,0% started smoking in the teenage and 58,4% use industrial cigarettes; 49,6% smoke a medium of 10 cigarettes a day, including in the houses, although they know it is prejudicial to the health, putting all the family in the passive tabaccoism. According to the health problems, 50,5% present some problem, being 30,5% respiratory/allergic problems; 17,4% high pressure and 10,8% depression. The main risk factors of cancer met in this research were: sedentary life (77,7%), frequent habit of drinking alcohol drinks (48,7%) and high height (37,1%) e 37,9% of them, though smoking are exposed to one of these risk factors; 43,3% exposed to two of these risk factors and 13% exposed to three of these risk factors. By this way, it becomes fundamental that the Tabaccoism Program and the others risk factors of cancer in the town, by the Health Municipal Secretary, invest in actions of promotion of health and prevention of illness in the city, pretending to alert the community about the risk factors of cancer. Those who are tobacconists should be told to participate in the program of smoking treatment, and the children and teens should be involved in education actions in the schools and units of health, to know the badness of the tabaccoism.
Palavras-chave: Neoplasias
Tabagismo
Fatores de Risco
Neoplasms
Smoking
Risk Factors
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/286
Data do documento: 2007
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Saúde Coletiva

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Renata Cristina Losano Feitosa.pdf573,52 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.