Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/2788
Tipo: Dissertação
Título: Conhecimento de enfermeiros e médicos da estratégia saúde da família sobre as políticas públicas voltadas à pessoa idosa
Autor(es): Silva, Olivia Alves da
Abstract: Introdução: As políticas públicas brasileiras voltadas à pessoa idosa asseguram os seus direitos sociais e norteiam as ações dos profissionais da assistência social e da saúde, entre outras áreas do conhecimento. Com destaque para a Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa que direciona médicos e enfermeiros ao atendimento, avaliação e monitoramento da saúde, da capacidade funcional, da recuperação, da manutenção e da promoção da autonomia e independência dos idosos. Objetivo: Caracterizar o conhecimento de enfermeiros e médicos da Estratégia Saúde da Família sobre as políticas públicas voltadas à pessoa idosa. Percurso metodológico: Pesquisa exploratória, descritiva com abordagem qualitativa. Os sujeitos da pesquisa foram constituídos por enfermeiros e médicos lotados nas Unidades de Estratégia Saúde da Família, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, e definidos por saturação conforme proposto por Fontanella e colaboradores (2011). Os profissionais foram caracterizados quanto à formação e capacitação; entrevistados quanto ao conhecimento sobre políticas públicas e a prática profissional no atendimento à pessoa idosa. As entrevistas semiestruturadas foram gravadas e transcritas. Utilizou-se o método de análise de conteúdo de Bardin e como referencial teórico para análise das categorias a Política Nacional de Saúde para a Pessoa Idosa. Resultados e Discussão: Foram entrevistados dez enfermeiros e sete médicos. Seis enfermeiros e três médicos possuem especializações direcionadas à Atenção Primária à Saúde. Três enfermeiros e médicos possuíam conhecimento do curso “Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa”, ofertado pelo Ministério da Saúde, porém somente um enfermeiro cursou-o. A análise das entrevistas resultou em duas categorias para os enfermeiros “Atendimento das Demandas de Saúde” e “Avaliação do Idoso Centrada na Doença” e duas para os médicos “Avaliação Biomédica do Idoso” e “Atendimento Biomédico do Envelhecimento”. A categoria “Atividades Multidisciplinares” foi comum para ambos os profissionais. O “Conhecimento de Enfermeiros e Médicos da Atenção Primária sobre as Políticas Públicas” resultou com relatos nos quais apenas um médico e um enfermeiro citaram o Estatuto do Idoso. Quanto ao “Trabalho e Atuação do Conselho Municipal de Defesa da Pessoa Idosa” caracterizou-se pelo desconhecimento das duas categorias profissionais. Conclusão: Destaca-se o desconhecimento profissional acerca das políticas voltadas para o idoso, o predomínio da atenção à saúde marcada por ações centradas na patologia, falta de avaliações multidimensionais e na falta de articulação intersetorial e interdisciplinar. As falas caracterizam a superficialidade e o distanciamento de médicos e enfermeiros da Atenção Básica quanto às políticas e órgãos voltados para a defesa dos direitos dos idosos. Compreende-se que devem ser estudadas estratégias para enfrentamento e possibilidades de capacitação profissional da Atenção Primária, na área do idoso, por entender que este nível de atenção é a principal porta de entrada do idoso e indispensável para efetivação da Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa e cumprimento de suas diretrizes.
ABSTRACT - Introduction: The Brazilian public policies for the elder people protect their social rights. Also, they guide the actions of the professionals in the social and health care among the other areas of knowledge. The National Health Policy for elder people directs physicians and nurses to take care of them: the assessment, evaluation, monitoring and maintenance of their health, the functional capacity, recovery and the promotion of autonomy, besides their own independence. Objective: To characterize the knowledge of nurses and physicians of the Family Health Strategy focused on public policies for the elderly. Methodological approach: The exploratory and descriptive study with a qualitative approach. The search was consisted in nurses and physicians. They were working in the section of the Family Unit Health Strategy, in Campo Grande – Mato Grosso do Sul. It was defined by the saturation in accord to Fontanella and searchers, (2011). The professionals were characterized by vocational training; interviewed regarding knowledge of public policy and professional practice in serving the elderly. The interviews semi-structured were recorded and transcribed. It was used the Bardine’s method of analysis contents as a reference theoretical framework for analysis of the categories to the National Health Policy for the Elderly. Results and Discussion: Ten nurses and seven physicians were interviewed. Six nurses and three physicians had specializations aimed at Primary Health Care. Three nurses and all the physicians had knowledge about "Aging and Health of the Elderly Course" that was offered by the State Department of Health, but only one nurse attended it. The analysis of the interviews resulted in two categories for the nurses: "Attending the Demands of Health" and "Evaluation of the Elderly Centered Disease". Also, two categories for the physicians: "Biomedical Evaluation of the Elderly" and "Customer Biomedical Aging". The category "Multidisciplinary Activities" was common for both professionals. “The Knowledge of the Nurses and Physicians in the Primary Care about Public Policies" resulted with reports in which only one doctor and one nurse mentioned in the elderly law. As far as, the "Work and Performance of the Municipal Council for Defense of the elder person" was characterized without knowledge by both professional groups. Conclusion: Weemphasize the professional unknown policies directed to the elderly. The power of the healthcare has been indicated by the actions that are focused on: pathology, lack of multidimensional assessment test and in the lack of inter sector coordination and interdisciplinary. The statement shows the distance of the physicians and nurses in the Primary Care attention that are involved the policies, and the lack of government’s action for the rights to the elderly. It is understood that strategies and opportunities for vocational training in the Primary Care for the elderly, should be a subject of study. The level of attention is the main gateway to the elderly and indispensable for applying the National Health Policy to the Elderly Care, and it executes the elderly law.
Palavras-chave: Saúde da Família
Políticas Públicas
Pessoal de Saúde
Idoso
Family Health
Public Policies
Health Personnel
Aged
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/2788
Data do documento: 2014
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Olivia Alves da Silva.pdf1,89 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.