Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/2573
Tipo: Dissertação
Título: Florística e fenologia reprodutiva de árvores e arbustos em remanescente de chaco brasileiro
Autor(es): Carvalho, Fábia Silva de
Abstract: O Chaco apresenta sazonalidade climática bem definida. Fatores abióticos associados ao componente florístico e a fenologia reprodutiva foram avaliados em um remanescente de Savana Estépica Arborizada, Chaco Arborizado, ao oeste do Brasil. Coletas de espécies arbóreas e arbustivas foram realizadas, entre julho de 2009 a outubro de 2010, em oito parcelas, totalizando 1,9 ha amostrados; coletas de solo foram obtidas de três profundidades. O componente lenhoso foi representado por 50 espécies arbóreas e 13 arbustivas. Na análise de PCA a maioria das parcelas agrupadas se relacionou negativamente aos parâmetros do solo (M.O., Zn, S, Ca, Mg e Mn). A síndrome predominante entre as espécies foi a zoocoria, seguida pela autocoria e anemocoria. Das 27 espécies incluídas para a distribuição espacial, 81% apresentaram padrão agregado e 18% aleatório, foi verificada diferença significativa entre as categorias Zoocoria-Agregado e Zoocoria-Aleatório. Não foi observada correlação significativa entre a fenologia reprodutiva e as síndromes de dispersão com os fatores abióticos. O solo com nutrientes em camadas profundas deve favorecer para muitas espécies outras estratégias reprodutivas como a independência da floração e frutificação com os fatores abióticos analisados. A prevalência da zoocoria ressalta a importância em se manter os remanescentes para garantir a ação dos agentes dispersores, sobretudo de Chaco no Brasil bastante vulneráveis à ação antrópica.
ABSTRACT - The Chaco is characterized by climatic seasonality well defined. Abiotic factors associated with the floristic component and reproductive phenology were evaluated in a remnant of Stepic Savanna Woodland of Brazil. Data of trees and shrubs were collected from July 2009 to October 2010 in eight plots for a total sample area of 1.9 hectare, soil samples were obtained at three depths. The wood component resulted in 50 species of trees and 13 shrubs. The Analysis of PCA resulted in the five plots grouped and negatively correlated to soil parameters (organic matter, Zn, S, Ca, Mg and Mn). The zoochorous species predominated followed by autochorous and anemochorous. Of the 27 species listed for the spatial distribution, 81% had standard aggregate and 18% random, there was significant difference between categories Zoochory-Random and Zoochory-Aggregate. There was no significant correlation between reproductive phenology and dispersal syndromes with abiotic factors. The soil nutrients in deep layers should facilitate for many other species reproductive strategies such as the independence of flowering and fruiting with abiotic factors analyzed. The prevalence of zoochory underscores the importance in keeping the remains to ensure the action of dispersing agents, especially in Brazil, Chaco very vulnerable to human action.
Palavras-chave: Fenologia
Phenology
Savanas
Savannas
Arbustos
Shrubs
Herbários
Herbaria
Tipo de Acesso: Acesso Restrito
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/2573
Data do documento: 2011
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Biologia Vegetal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FÁBIA SILVA DE CARVALHO.pdf124,11 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.