Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1897
Tipo: Dissertação
Título: Colheita de aspirado traqueal para o diagnóstico microbiológico de pneumonia associada à ventilação mecânica : comparação de duas técnicas
Autor(es): Frota, Oleci Pereira
Abstract: O diagnóstico preciso de pneumonia associada à ventilação mecânica (PAV) permanece como um dos mais árduos desafios enfrentados pelos profissionais que cuidam de pacientes submetidos à ventilação mecânica (VM), haja vista a ausência de um diagnóstico padrão ouro e a carência de protocolos validados que contemplam as mais diversas facetas de caráter multidisciplinar que envolvem o diagnóstico. O principal objetivo desse estudo foi avaliar a concordância qualitativa e quantitativa dos resultados de culturas de aspirado traqueal (AT) colhido por técnica tradicional e protegida para o diagnóstico microbiológico de PAV. Para tanto, foi realizado estudo clínico, prospectivo, comparativo, unicegado. As amostras de AT foram colhidas pelos mesmos profissionais: um enfermeiro e um fisioterapeuta, executor e assistente, respectivamente. Na ocasião da suspeita clínica de PAV, 40 pacientes com idade ≥ 18 anos e submetidos à VM por período superior a 48 horas foram incluídos no estudo. De cada paciente foi obtido um par de amostras de secreção traqueal colhidas por técnica protegida e tradicional, uma imediatamente seguida da outra. A ordem de execução das técnicas foi aleatória, segundo randomização por um software disponível on line. Uma vez colhidas, as mostras foram codificadas, acondicionadas numa caixa térmica, transportadas imediatamente a um laboratório de microbiologia e processadas segundo técnicas convencionais de cultivo. Os resultados foram expressos em unidades formadoras de colônias (UFC) por mililitro (ml) e os agentes identificados por automação (Aparelho Vitek® 2 AES, BioMérieux, França). O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos, sob o protocolo Nº. 114311/2012. Os dados foram analisados estatisticamente pelo Minitab for Windows (versão 14). Foram utilizados os testes Qui-quadrado (χ²) e Teste Exato de Fisher, sendo ambos realizados com 95% de confiabilidade (valor significativo de p< 0,05) e aplicados no cruzamento de variáveis categóricas. A maioria dos pacientes era do sexo masculino, de idade avançada, com muitos dias de internação e VM, acometidos por diversas comorbidades, número de leucócitos e bastonetes aumentados e todos em antibioticoterapia. Pela técnica tradicional, 23 (57,5%) pacientes apresentaram, em suas amostras, crescimento microbiano ≥ 105 UFC/ml. Houve concordância qualitativa e quantitativa entre as técnicas (p=0,004), contudo, maior quantidade de microrganismos extras e resultados duvidosos foram associados à técnica protegida. Os microrganismos mais frequentemente identificados por ambas as técnicas foram Acinetobacter baumanii (n= 7), Candida albicans (n= 6) e Pseudomonas aeruginosa (n= 5). Esses resultados preliminares não mostraram diferenças significantes nos resultados de cultivo de amostras colhidas por técnica protegida e tradicional, mas suscitaram a necessidade de mais estudos, incluindo a análise de concordância genética dos agentes isolados na parede do tubo endotraqueal e nas secreções traqueobrônquicas.
The accurate diagnosis of ventilation-associated pneumonia (VAP) remains one of the most difficult challenges faced by professionals who care for patients submitted to mechanical ventilation (MV), as proved by the lack of a gold standard diagnosis and the shortage of validation protocols that cover several distinct facets of multidisciplinary nature involving such diagnosis. The main purpose of this study was to assess the qualitative and quantitative agreement of the results of crops of tracheal aspirate (TA) collected through traditional and protected techniques for the microbiological diagnosis of VAP. To that end, we have performed a clinical, prospective, comparative and single-blinded study. The TA samples were collected by the same professionals: a nurse and a physiotherapist, performer and assistant, respectively. At the time of clinical suspicion of VAP, 40 patients aged ≥ 18 years, who were submitted to MV for a period over than 48 hours, were included in the study. It was obtained a pair of samples of tracheal aspirates from each patient, which was collected by traditional and protected techniques, one immediately after the other one. The enforcement order of the techniques was random, according to randomization held by available online software. Once samples have been collected, they are coded and packed in a thermal box. Next, they are immediately transported to a microbiology laboratory and processed on conventional cultivation techniques. The results were expressed in colony forming units (CFU) per milliliter (ml) and the agents were identified by automation (AES Vitek ® 2 Device, BioMerieux, France). The study was approved by the Ethics Committee on Researches involving Human Beings, under the Protocol nº 114311/2012. The data were statistically analyzed by means of the Minitab for Windows (version 14). Chi-square Test (χ²) and Fisher Exact Test were conducted, both with a level of 95% reliability (significant p value of <0,05) and applied at the intersection of categorical variables. Most of patients were male, elderly, with many days of hospitalization and MV, affected by several comorbidities, with increased number of leukocytes and rods and all of them were being submitted to antibiotic therapy. Through the traditional technique, 23 (57,5%) patients showed, in their samples, microbial growth ≥ 105 CFU/ml. There was qualitative and quantitative agreement between the techniques (p=0,004), however, the greater amount of extras microorganisms and doubtful results were associated with the protected technique. The most common microorganisms identified by both techniques were Acinetobacter baumannii (n=7), Candida albicans (n=6) and Pseudomonas aeruginosa (n=5). These preliminary results did not show significant differences in the results of cultivation of samples through protected and traditional techniques, but raised the necessity for further studies, including analysis of genetic concordance of agents isolated in the endotracheal tube wall and in tracheobronchial secretions.
Palavras-chave: Pneumonia Associada à Ventilação Mecânica
Pneumonia, Ventilator-Associated
Técnicas de Cultura
Culture Techniques
Infecção
Infection
Terapia Intensiva
Intensive Care
Cuidados de Enfermagem
Nursing Care
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1897
Data do documento: 2013
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Saúde e Desenvolvimento na Região Centro-Oeste

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Oleci.pdf2,6 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.