Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1582
Tipo: Dissertação
Título: Avaliação da resistência de união dos sistemas adesivos na dentina sadia e afetada por cárie em dentes humanos
Autor(es): Alves, Juliana
Abstract: O objetivo deste estudo experimental foi avaliar por microtração a resistência de dois sistemas adesivos em dentina sadia e dentina afetada por cárie em dentes humanos. Para o estudo foram utilizados vinte dentes humanos, sendo dez dentes com a dentina sadia e dez dentes com dentina afetada por cárie. Aleatoriamente, esses dentes foram divididos em quatro grupos, sendo dois grupos de dentina sadia e dois grupos de dentina afetada para cada sistema adesivo selecionado para a pesquisa. Os dentes sofreram preparo cavitário padronizado e foram restaurados com sistema adesivo de condicionamento total Ambar (FGM, Brasil) e com a resina composta Opalis (FGM, Brasil), grupos (G1-dentina sadia, G2-dentina afetada). O sistema adesivo autocondicionante Filtek Silorano (3M ESPE, EUA) com a resina composta Filtek P90 (3M ESPE, EUA), grupos (G3-dentina sadia, G4-dentina afetada). Os dentes foram restaurados e armazenados em água destilada à 37ºC por uma semana. Após este período, as amostras foram seccionadas verticalmente obtendo-se espécimes com área de secção transversal de aproximadamente 1,0mm2, que foram tracionados a velocidade de 1,0 mm/min em máquina de ensaio universal. A resistência de união quanto ao método de ensaio por microtração revela que os maiores valores médios encontrados são para o sistema adesivo Ambar (FGM, Brasil) em comparação ao Filtek Silorano (3M ESPE, EUA). O sistema Ambar (FGM, Brasil) não há diferença entre os resultados de resistência de união para dentina sadia ou dentina afetada por cárie. No entanto, o sistema adesivo Filtek Silorano (3M ESPE, EUA) apresenta valores de adesão superiores para a dentina sadia quando comparado à dentina afetada por cárie. Os tipos de fraturas observados em microscópio óptico não correspondem fielmente quando observados em microscopia eletrônica de varredura. O tipo de fratura geralmente apresentada pelos corpos de prova que foram analisados no MEV foi a mista.
The aim of this experimental study was to evaluate by microtensile, the strength of two adhesive systems in dentin and sound dentin affected by caries in human teeth. Twenty human teeth were used for the study, which ten of them were teeth with healthy dentin, and the other ten teeth were affected by caries. Randomly, these teeth were divided into four groups, two groups of healthy dentin and two groups for each affected dentin adhesive system selected for the research. The teeth were standardized by cavity preparation and they were restored with adhesive system total conditioning Ambar (FGM, Brazil) with the composite resin Opalis (FGM, Brazil) groups (G1-sound dentin, G2-affected dentin) and the system self-etch adhesives Silorane Filtek (3M ESPE, USA) with a composite resin Filtek P90 (3M ESPE, USA), groups (G3- sound dentin, G4-affected dentin). The teeth were recovered and stored in distilled water at 37 °C for one week. After this period, the samples were sectioned vertically obtaining specimens with cross-sectional area of approximately 1.0 mm2, which were pulled at a velocity of 1.0 mm/min in a universal testing machine. Bond strength on the test method for microtensile reveals that the highest average values are found for the adhesive system Ambar (FGM, Brazil) compared to Silorane Filtek (3M ESPE, USA). In the system Ambar (FGM, Brazil) there is no difference between the results of bond strength to healthy dentin and dentin affected by caries. However, the adhesive system Silorane Filtek (3M ESPE, USA) has superior bond strength values for sound dentin when compared to the dentin affected by caries. The types of fractures observed in optical microscope don’t match accurately when observed in scanning electron microscopy. The analyzed type of fracture usually presented by specimens in the SEM was mixed.
Palavras-chave: Resistência de Materiais
Adesivos Dentinários
Cárie Dentária
Material Resistance
Dentin-Bonding Agents
Dental Caries
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1582
Data do documento: 2011
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Saúde e Desenvolvimento na Região Centro-Oeste

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Juliana Alves.pdf2,66 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.