Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1488
Tipo: Dissertação
Título: Estudo das assembléias fitoplanctônicas de uma pequena represa urbana eutrofizada, o Lago do Amor, com ênfase em interações com macrófitas aquáticas e o ciclo hidrológico
Título(s) alternativo(s): Study of the phytoplankton assemblages of a small, urban eutrophic reservoir, the Lago do Amor, with emphasis on interactions with macrophytes and hydrological circle.
Autor(es): Lopes, Iola Reis
Abstract: Este trabalho investiga a estrutura e o comportamento das assembléias fitoplanctônicas em relação a cobertura de macrófitas e à sazonalidade de uma pequena represa urbana sofrendo de eutrofização. O período de estudo compreende junho/2005 a dezembro/2006. O lago teve sua lâmina de água tomada pela macrófita Eichhornia crassipes que foi mecanicamente retirada em 2005. Cada mês, a porcentagem da cobertura de macrófitas e características físicas, químicas e biológicas da água na região limnética do lago foram medidos concomitantemente as coletas do fitoplâcton. Foram calculados o índice de estado trófico e a relação NT:PT. Amostras do fitoplâncton foram coletadas e fixados com folmaldeído até 1,6%. Foram calculados riqueza, abundancia, diversidade e equidade de Shannon-Wiener e biovolume. Foram encontradas 155 taxa na seguinte ordem crescente de classes: Xanthophyceae, Chrysophyceae, Bacillariophyceae, Zygnemaphyceae, Cyanobacteria, Chlorophyceae e Euglenophyceae. A abundância total do fitoplâncton variou entre 53 e 28.832 ind/ml. Os grupos funcionais presentes representaram a condição eutrófica do lago. A composição das assembléias fitoplanctônicas pode ser dividida em três fases: a) com cobertura de macrófitas, marcada por baixas densidades e alternância de dominância entre Cyanobacteria e Euglenophyceae; b) pós macrófitas durante as chuvas, marcada pelos maiores valores de diversidade e riqueza, com dominância de Chlorophyceae; c) pós macrófitas durante a seca, marcada por florações de cianobactérias, principalmente Planktothrix agardhii, Synechocystis sp., e a diatomácea Fragilaria crotonensis.
This work investigated the structure and behavior of the phytoplankton assemblages in relation to macrophyte cover and seasonality in a small, urban, eutrophic reservoir. The period studied was from June 2005 to December 2006. The lake was initially covered by the macrophyte Eichhornia crassipes which was removed by the end of 2005. Each month, the percentage macrophyte cover and physical, chemical and biological characteristics of the water in the limnetic region were measured, simultaneously with the phytoplankton sampling. A trophic state index and the N:P ratio were calculated. Phytoplankton samples were collected and fixed to a final concentration of 1.6% formaldehyde. Richness, abundance, Shannon-Wiener diversity and evenness and biovolume were calculated. 155 taxa were found in the following classes, listed in increasing order of abundance: Xanthophyceae, Chrysophyceae, Bacillariophyceae, Zygnemaphyceae, Cyanobacteria, Chlorophyceae and Euglenophyceae. Total abundance varied between 53 and 28,832 ind./ml. The functional groups represented the eutrophic conditions of the lake. The composition of the assemblages could be divided into three phases: a) with macrophyte cover, characterized by low abundances and alternating dominance of Cyanobacteria and Euglenophyceae; b) after macrophyte removal, during the wet season, characterized by greater values of diversity and richness, with Chlorophyceae dominant; c) after macrophyte removal, during the dry season, characterized by blooms of cyanobacteria, principally Planktothrix agardhii and Synechocystis sp., and the diatom Fragilaria crotonensis.
Palavras-chave: Cianobactéria
Eutroficação
Limnologia
Energia Sanitária e Ambiental
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1488
Data do documento: 2009
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Tecnologias Ambientais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Iola Reis Lopes.pdf1,92 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.