Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1363
Tipo: Dissertação
Título: Análise da interação entre acetilcolina, dopamina e óxido nítrico sobre o comportamento motor em um modelo animal da doença de Parkinson
Autor(es): Rodrigues, Líliam Flávia Linhares
Abstract: O objetivo deste trabalho foi avaliar a interação entre os neurotransmissores acetilcolina, dopamina e óxido nítrico nos núcleos basais de camundongos. Foram realizados quatro experimentos, com seis grupos, com oito camundongos suíços, machos, pesando entre 20-30g. No Experimento 1, os animais receberam injeção intraperitoneal (i.p.) de salina ou haloperidol (1mg/kg) seguida pela aplicação i.p. de salina ou biperideno (2,5 e 10mg/kg). No Experimento 2, os animais receberam injeção intraperitoneal (i.p.) de salina ou L-NOARG (40mg/kg) seguida pela aplicação i.p. de salina ou biperideno (2,5 e 10mg/kg). No Experimento 3, os animais receberam injeção intraperitoneal (i.p.) de salina ou haloperidol (1mg/kg) seguida pela aplicação i.p. de salina ou tropicamida (2,5 e 10mg/kg). No Experimento 4, os animais receberam injeção intraperitoneal (i.p.) de salina ou L-NOARG (40mg/kg) seguida pela aplicação i.p. de salina ou tropicamida (2,5 e 10mg/kg). Após 30, 60 e 90 minutos da aplicação das drogas, os animais foram submetidos ao teste de catalepsia na barra. Após 60 minutos, ao teste de campo aberto. No Experimento 1, o grupo haloperidol+salina apresentou maior tempo de catalepsia em relação aos demais (pós-teste de Tukey p<0,05). Os grupos Haloperidol+biperideno (2,5 e 10mg/kg) apresentaram menor tempo de catalepsia que o Haloperidol+salina (p<0,05). No Experimento 2, o grupo L-NOARG+ salina apresentou maior tempo de catalepsia em relação aos demais (p<0,05). Os grupos L-NOARG+biperideno (2,5 e 10mg/kg) apresentaram menor tempo de catalepsia que L-NOARG+salina (p<0,05). No Experimento 3, o grupo Haloperidol+salina apresentou maior tempo de catalepsia em relação aos demais (p<0,05). Os grupos Haloperidol+tropicamida (2,5 e 10mg/kg) apresentaram menor tempo de catalepsia que Haloperidol+salina (p<0,05). No Experimento 4, o grupo L-NOARG+salina apresentou maior tempo de catalepsia em relação aos demais Os grupos L-NOARG+tropicamida (2,5 e 10mg/kg) apresentaram menor tempo de catalepsia que L-NOARG+salina (p<0,05). O antagonista de dopamina, haloperidol, causou alterações no comportamento motor, levando à catalepsia e diminuição na exploração horizontal e exploração vertical. O antagonista da síntese de óxido nítrico (NOS), L-NOARG causou as mesmas alterações, porém mais discretamente. Os antagonistas de receptores muscarínicos de acetilcolina (M1), biperideno e tropicamida (M4) reverteram catalepsia e aumentaram a exploração horizontal e vertical induzida.
Palavras-chave: Doença de Parkinson
Manifestações Neurológicas
Catalepsia
Dopamina
Receptores de Neurotransmissores
Gânglios da Base
Receptores Colinérgicos
Neurologic Manifestations
Parkinson Disease
Catalepsy
Dopamine
Receptors, Neurotransmitter
Receptors, Cholinergic
Basal Ganglia
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1363
Data do documento: 2012
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Saúde e Desenvolvimento na Região Centro-Oeste

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Liliam.pdf639,46 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.