Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/428
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorLoureiro, Elisângela de Souza-
dc.contributor.authorOliveira, Nádia Cristina de-
dc.contributor.authorWilcken, Carlos Frederico-
dc.contributor.authorBatista Filho, Antonio-
dc.date.accessioned2011-08-30T17:45:44Z-
dc.date.available2011-08-30T17:45:44Z-
dc.date.issued2004-
dc.identifier.citationLOUREIRO, Elisângela de Souza et al . Patogenicidade de Verticillium lecanii ao pulgão-do-pinus. Rev. Árvore, Viçosa, v. 28, n. 5, out. 2004 . Disponível em <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622004000500017&lng=pt&nrm=iso>. acessos em 30 ago. 2011. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622004000500017.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufms.br/handle/123456789/428-
dc.description.abstractAvaliou-se a patogenicidade do isolado IBCB 473 de Verticillium lecanii no pulgão-do-pinus Cinara atlantica (Hemiptera, Aphididae), inseto-praga em plantios de Pinus spp. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, com cinco repetições por tratamento e cada repetição constituída de uma placa de Petri (9 cm de diâmetro) contendo 10 ninfas. Foram testadas suspensões de inóculo nas concentrações de 1,0 ' 106; 0,5 ' 107; 1,0 ' 107; 0,5 ' 108; e 1,0 ' 108 conídios/mL, pulverizando-se 1 mL sobre as ninfas. Como tratamento-testemunha, utilizou-se água esterilizada. As placas de Petri foram mantidas em câmara climatizada a 25 ± 1 °C, 70 ± 10% de UR e fotofase de 12 horas. As avaliações foram realizadas diariamente, anotando-se a mortalidade dos indivíduos de cada tratamento. A dose mais eficiente foi de 1,0 x 108 conídios/mL, causando mortalidade de 86,0% após cinco dias da pulverização. Os valores de TL50 das concentrações utilizadas foram de 5,82; 5,24; 4,60; 4,34; e 3,83 dias, respectivamente.pt_BR
dc.description.abstractABSTRACT - The objective of this work was to evaluate the pathogenicity of the entomopathogenic fungus Verticillium lecanii isolate IBCB 473 to the aphid Cinara atlantica (Hemiptera: Aphididae), insect pest in Pinus spp plantations. The trials were conduced in a completely randomized design, treatments with 5 repetitions, and each repetition consisting of one Petri dish (9 cm of diameter) containing 10 nymphs. Suspensions adjusted to concentrations of 1,0 ' 106; 0,5 ' 107; 1,0 ' 107; 0,5 ' 108 e 1,0 ' 108 conidia/mL were tested by spraying 1mL over the nymphs. Sterilized water was used as control treatment. The Petri dishes were maintained at 25±1°C, 70±10% RH and 12-hour photophase. The evaluations were carried out daily, recording the individual mortality of each treatment. The best concentration was 1,0 x 108 conidia/mL with mortality of 86,0% after five days. LT50 for each concentration was 5,82; 5,24; 4,60; 4,34 and 3,83 days, respectively.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherRevista Árvorept_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectControle Biológico de Vetorespt_BR
dc.subjectControle de Pragaspt_BR
dc.subjectPinuspt_BR
dc.subjectAfídeospt_BR
dc.subjectPest Control, Biologicalpt_BR
dc.subjectPest Controlpt_BR
dc.subjectAphidspt_BR
dc.titlePatogenicidade de Verticillium lecanii ao pulgão-do-pinuspt_BR
dc.title.alternativePathogenicity of Verticillium lecanii to pine aphidpt_BR
dc.typeArtigo de Periódicopt_BR
dc.identifier.doihttp://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622004000500017-
Aparece nas coleções:CPCS - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Patogenicidade de Verticillium lecanii.pdf139,68 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.