Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/374
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorFabris, Larissa Rodrigues-
dc.date.accessioned2011-08-19T14:28:17Z-
dc.date.available2021-09-30T19:56:23Z-
dc.date.issued2009-
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufms.br/handle/123456789/374-
dc.description.abstractTransformações ocorridas no meio ambiente, como desmatamento, expansão das áreas urbanas e condições precárias de habitação e saneamento estão causando um aumento crescente do número de casos de leishmaniose em centros urbanos de médio ou grande porte. A desinformação da população a respeito da doença é um dos fatores responsáveis pelo aumento de sua incidência. O objetivo desse estudo foi correlacionar o nível de informação da população em relação à leishmaniose com a dinâmica da doença em Campo Grande, MS. Foram entrevistados 404 indivíduos moradores das regiões leste, oeste, norte, sul e centro da cidade em número proporcional à população residente em cada região. Concluiu-se que a população entrevistada apresenta diferentes níveis de conhecimento da doença, sendo os entrevistados da região central os mais informados e os da região leste, caracterizada por nível social mais baixo, instrução escolar deficiente e infraestrutura precária, os menos informados.pt_BR
dc.description.abstractChanges in the environment such as deforestation, expansion of urban areas and poor housing and sanitation are causing an increasing number of cases of leishmaniasis in urban areas of medium or large sizes. The misinformation of the population about the disease is one of the factors responsible for the increase in its incidence. The aim of this study was to correlate the level of information of the population on leishmaniasis with the dynamics of the disease in Campo Grande, MS. We interviewed 404 individuals living in the regions east, west, north, south and center of the city in proportion to the population residing in each region. It was concluded that the people interviewed have different knowledge levels of the disease; the respondents of the central region were the most informed and those of the eastern region, with the lowest social level, poor education and poor infrastructure, the least informed.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectLeishmaniosept_BR
dc.subjectPerfil de Saúdept_BR
dc.subjectDoenças Transmissíveispt_BR
dc.subjectLeishmaniasispt_BR
dc.subjectHealth Profilept_BR
dc.subjectCommunicable Diseasespt_BR
dc.titleCaracterização dos componentes sociais na dinâmica da leishmaniose em Campo Grande - MSpt_BR
dc.title.alternativeCharacterization of constituents in the social dynamics of leishmaniasis in Campo Grande - MSpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.advisor1Honer, Michael Robin-
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Saúde e Desenvolvimento na Região Centro-Oeste

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Larissa Rodrigues Fabris.pdf437,01 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.