Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1142
Tipo: Dissertação
Título: Formações neológicas no RAP
Autor(es): Rossi, Juliana
Abstract: A pesquisa “Formações Neológicas no RAP” tem por objetivo estudar letras de música estilo RAP em português para verificar os tipos de formação neológica que vêm ocorrendo nesse estilo de linguagem e descrevê-las por meio de análise léxico-semântica. Sendo o RAP (rhythm and poetry) um estilo musical que envolve ritmo e poesia, ele se constitui uma fonte de pesquisa sobre neologismos, porque enquanto poesia, o RAP tem “licença poética” para “criar” novas palavras. A fim de alcançar esse objetivo, constituiu-se como base teórica para esse trabalho obras referentes a processos de formação de palavras, especialmente sobre neologismos, sobre o “conceito” de palavra, estrutura lingüística e sobre semântica, pertencentes, respectivamente, a Ullmann (1964), Sapir (1969), Guiraud (1972), Câmara Júnior (1975), Alves (1990), Kehdi (1992), Lyons (1997) e Biderman (2001). Quanto ao RAP, foram consultados websites, livros, artigos e teses pertencentes a Gomes e Leão (s/d), Andrade (1996), Oliveira (1999) e Magro (2002), que possibilitaram maior compreensão do assunto. Os websites permitiram a coleta (aleatória) das letras de música estilo RAP que foram utilizados como córpus para essa pesquisa. Muitas foram lidas em busca de formações neológicas e apenas algumas, com conteúdo significativo para análise, foram selecionadas. Os termos nelas encontrados tiveram seus significados pesquisados na Internet, em websites especializados nesse tipo de linguagem, e em entrevistas informais com pessoas que dominam a linguagem do RAP.
The research “Neological formation in RAP” aims to study lyrics from RAP style in Portuguese to check the kinds of neological formation that are occurring in this language style and describe them by lexicon-semantic analysis. As RAP (rhythm and poetry) is a musical style which involves rhythm and poetry, it constitutes itself as a source of research about neologism because while poetry, RAP has “poetic license” to “create” new words. In order to reach this aim, was constituted as theoretical base for this work reference books related to word formation processes, especially about neologisms, about the “concept” of word, linguistic structure and about semantics, belonging, respectively, to Ullmann (1964), Sapir (1969), Guiraud (1972), Câmara Júnior (1975), Alves (1990), Kehdi (1992), Lyons (1997), e Biderman (2001). Concerning to RAP, were consulted websites, books, articles and thesis belonging to Gomes e Leão (s/d), Andrade (1996), Oliveira (1999) and Magro (2002), which enabled better comprehension from the subject. The websites allowed the (contingent) collection of lyrics from RAP style songs which were used like corpus for this research. Many of them were read searching for neological formations and only some, with significant content for analysis, were selected. The terms found inthem had their meanings searched in the Internet, in websites specialized in this kind of language, and in informal interviews with people who dominate the RAP language.
Palavras-chave: Neologismos Lexicais
Rap
Música - aspectos culturais
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufms.br/handle/123456789/1142
Data do documento: 2009
Aparece nas coleções:Programa de Pós-graduação em Letras (Campus de Três Lagoas)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Juliana Rossi.pdf444,05 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.